Ter relações sexuais não provoca ataques cardíacos, sugere estudo

Ter relações sexuais não parece desencadear ataques cardíacos, ou colocar as pessoas em risco para outros problemas cardiovasculares (como o acidente vascular cerebral), de acordo com um novo estudo.

092215_mr_sexstory_free

Sexo: É apenas o que o médico receitou. Para pacientes com doenças cardíacas, pelo menos.

A atividade sexual provavelmente não provoca muitos ataques cardíacos, relatam os cientistas na revista científica Journal of the American College of Cardiology, de Setembro de 2015. Na verdade, os autores do estudo dizem que os benefícios parecem superar os riscos.

Dietrich Rothenbacher e seus colegas da Universidade de Ulm, na Alemanha, analisaram os dados dos históricos sexuais de 438 pacientes que tinham sofrido um ataque cardíaco. Na hora antes de um ataque, apenas 0,7 por cento dos pacientes – 3 pessoas – tinham sido sexualmente ativos.

Em seguida, a equipe acompanhou os pacientes por 10 anos, até que as pessoas fossem atingidas por outros problemas cardiovasculares, como ataques cardíacos ou derrames. Pessoas que estavam sexualmente ativas, pelo menos uma vez por semana, não eram mais propensos a sofrer incidentes adicionais do que as pessoas que estavam menos ativos.

Fonte: Science News.

Vinicius Mussi

Vinicius Mussi

Capixaba, graduado em Biomedicina, com especialização em Saúde Pública e mestre em Biociências e Biotecnologia pela UENF - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.
Vinicius Mussi

Vinicius Mussi

Capixaba, graduado em Biomedicina, com especialização em Saúde Pública e mestre em Biociências e Biotecnologia pela UENF - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

%d blogueiros gostam disto: