Levedura no intestino aumenta o risco de asma

Foi adicionado um novo conjunto de personagens à multidão de microrganismos intestinais que influenciam a sua saúde: fungos.

Até agora, o sequenciamento genético do microbioma tem se concentrado principalmente em bactérias, como Brett Finlay, um microbiologista da University of British Columbia em Vancouver, Canadá, explicou em uma sessão na reunião anual da AAAS, que publica a Science.

Em 2015, Finlay e colegas identificaram quatro bactérias que pareciam proteger crianças canadenses de desenvolver asma. Eles suspeitaram que esses microrganismos moldavam o sistema imunológico nascente ao aumentar os níveis de células imunomodulatórias no intestino.

Mas quando o grupo sequenciou o microbioma intestinal de um grupo de 100 crianças em Esmeraldas, no Equador – um ambiente mais rural, porém com taxas de asma comparáveis ​​às do Canadá – o melhor preditor microbiano de asma não era uma bactéria, mas um gênero de levedura conhecida como Pichia.

Pichia (levedura). Créditos: Dennis Kunkel Microscopy/Science Source.

Três meses depois, foi observado que as crianças quem tinha essa levedura em suas fezes eram mais propensas a desenvolver asma dentro de 5 anos. Como a forma que a levedura pode aumentar o risco da asma está longe de ser clara, acredita-se que provavelmente elas interagem com espécies bacterianas para influenciar o sistema imunológico, diz Finlay.

Mas a descoberta é uma nova evidência de que os organismos fúngicos não devem ser ignorados. “A tecnologia está lá. Podemos fazer isso agora”, diz Finlay. “E eu acho que isso vai abrir outra camada de complexidade.”

Matéria originalmente traduzida da revista Science.

Vinicius Mussi

Vinicius Mussi

Capixaba, graduado em Biomedicina, com especialização em Saúde Pública e mestre em Biociências e Biotecnologia pela UENF - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.
Vinicius Mussi

Vinicius Mussi

Capixaba, graduado em Biomedicina, com especialização em Saúde Pública e mestre em Biociências e Biotecnologia pela UENF - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

%d blogueiros gostam disto: